Turquia identifica atirador que matou 39 em boate no réveillon

Autoridades da Turquia identificaram o autor do atentado na boate Reina, em Istambul, como Iakhe Mashrapov, 28 anos, natural do Quirguistão,  mulher de Mashrapov foi presa nesta terça-feira (3) na província de Konya, onde vivia ao lado do marido e dos filhos; "Não sabia que meu marido era um simpatizante do Estado Islâmico", teria dito a mulher aos policiais;  grupo terrorista assumiu autoria do ataque que deixou 39 mortos

Autor de massacre em boate turca no réveillon,  Iakhe Mashrapov, é identificado pela polícia 
Autor de massacre em boate turca no réveillon,  Iakhe Mashrapov, é identificado pela polícia  (Foto: Paulo Emílio)

Ansa - As autoridades da Turquia identificaram o autor do atentado na boate Reina, em Istambul, como Iakhe Mashrapov, 28 anos, natural do Quirguistão, informou a TV estatal TRT nesta terça-feira (3). As autoridades ainda não confirmaram a informação.

Com imagens do passaporte, que também estão circulando nas redes sociais, é possível ver que ele saiu de seu país no dia 21 de outubro, um mês antes de dar sua entrada, ao lado da mulher e de dois filhos, na Turquia. O rosto do suposto terrorista coincide com as imagens divulgadas por Ancara em um vídeo de 45 segundos.

A mulher de Mashrapov foi presa nesta terça-feira, segundo o jornal turco Haberturk, na província de Konya, onde vivia ao lado do marido e dos filhos.

"Soube do ataque pela TV. Não sabia que meu marido era um simpatizante do Estado Islâmico", teria dito a mulher aos policiais, de acordo com a publicação. O grupo terrorista assumiu que estava por trás do ataque nesta segunda-feira (2) e disse que a ação, que deixou 39 mortos um dia antes, era uma resposta aos ataques do governo turno no território sírio.

De acordo com o Hurriyet, o terrorista e sua família foram para Ancara e, no dia 22 de novembro, se estabeleceram em Konya. Lá, ele adiantou três meses de aluguel para o proprietário da casa onde moraram.

Agora, as autoridades investigam se o homem teve alguma participação na célula do Estado Islâmico que efetuou um atentado no aeroporto de Ataturk, em junho do ano passado, também em Istambul. Naquela ação, mais de 40 pessoas morreram.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247