UE impõe novas sanções contra a Rússia por ligação do Kremlin com o envenenamento de Navalny

A União Europeia (UE) impôs novas sanções contra oficiais do Kremlin por suas supostas ligações com o envenenamento do opositor Alexei Navalny

Alexei Navalny (REUTERS/Sergei Karpukhin)
Alexei Navalny (REUTERS/Sergei Karpukhin) (Foto: Paulo Emílio)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Nesta quinta-feira (15), a UE impôs sanções contra seis oficiais russos ligados, incluindo o chefe da agência de espionagem, ao envenenamento do opositor Alexei Navalny. O bloco descreve o acontecimento como uma “tentativa de assassinato” pelo Kremlin. As informações foram reportadas no Guardian.

Navalny ainda se recupera na Alemanha após ter se sentido mal durante um voo sob a região da Sibéria, em agosto. Laboratórios no país confirmaram que Navalny foi envenenado com um agente nervoso da categoria novichok, que é entre cinco a oito vezes mais potente que o gás sarin.

A UE também sancionou o Instituto Russo de Química Orgânica e Tecnologia, que é considerado pelo bloco como a instituição que desenvolveu o agente nervoso.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247