União Europeia destina 1,5 milhão de euro à Indonésia após terremoto

A ajuda do bloco servirá para "proporcionar provisões essenciais como comida, teto, água, e produtos médicos e de saúde", disse o comissário europeu de Ajuda Humanitária, Christos Stylianides; segundo o último relatório oficial, o número de mortos pelas catástrofes já chega a 832, sem contar com as 540 pessoas hospitalizadas e as 16.732 deslocadas

União Europeia destina 1,5 milhão de euro à Indonésia após terremoto
União Europeia destina 1,5 milhão de euro à Indonésia após terremoto (Foto: Zabur Karuru/Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Por Agência Brasil

A União Europeia (UE) concedeu neste domingo (30) 1,5 milhão de euros em ajuda humanitária de emergência para as vítimas dos terremotos e do tsunami que, na sexta-feira (28), atingiram a Ilha de Celebes, na Indonésia.

A ajuda do bloco servirá para "proporcionar provisões essenciais como comida, teto, água, e produtos médicos e de saúde", disse, em comunicado, o comissário europeu de Ajuda Humanitária, Christos Stylianides.

A Comissão Europeia enviou um especialista para coordenar as equipes de resgate da UE e ativou o serviço de emergência do satélite Copérnico para criar mapas da situação.

O centro de coordenação de resposta diante de emergências da Comissão Europeia "está monitorando de perto os avanços e pronto para canalizar mais apoio quando for necessário", declarou o órgão.

"Nossos pensamentos estão com todas as vítimas e as equipes de socorro que trabalham contra o tempo para salvar vidas", acrescentou o comissariado.

Segundo o último relatório oficial, o número de mortos pelas catástrofes já chega a 832, sem contar com as 540 pessoas hospitalizadas e as 16.732 deslocadas.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247