Uruguai nega asilo a ex-presidente do Peru investigado em caso Odebrecht

O Uruguai negou pedido de asilo feito pelo ex-presidente do Peru Alan Garcia, suspeito de envolvimento em casos de corrupção envolvendo a empreiteira brasileira Odebrecht. Garcia alegou em seu pedido de asilo estar sendo alvo de perseguição política; "Não concedemos o pedido de asilo porque no Peru funcionam livremente os três Poderes do Estado", justificou o presidente uruguaio, Tabaré Vasquez

Uruguai nega asilo a ex-presidente do Peru investigado em caso Odebrecht
Uruguai nega asilo a ex-presidente do Peru investigado em caso Odebrecht

247 - O Uruguai negou pedido de asilo feito pelo ex-presidente do Peru Alan Garcia. Garcia, que é suspeito de ter recebido propinas da empreiteira Odebrecht, alegou em seu pedido de asilo estar sendo alvo de perseguição política. "Não concedemos o pedido de asilo porque no Peru funcionam livremente os três Poderes do Estado", justificou o presidente uruguaio, Tabaré Vasquez.

Segundo o chanceler uruguaio, Rodolfo Nin Novoa, a decisão para não conceder o asilo também teria levado em consideração que "não é lícito conceder asilo àqueles que sejam investigados por delitos comuns".

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247