CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Mundo

Vaticano decreta lei do silêncio

Cardeais foram orientados a não falar mais com a mídia, depois de mais indicações de que um conclave não iria começar na próxima semana, como era esperado; norte-americanos cancelaram entrevista coletiva

Vaticano decreta lei do silêncio (Foto: MAX ROSSI)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Por Philip Pullella

CIDADE DO VATICANO, 6 Mar (Reuters) - Autoridades do Vaticano disseram nesta quarta-feira aos cardeais reunidos para a eleição do próximo papa para não falarem mais com a mídia, depois de mais indicações de que um conclave não iria começar na próxima semana, como era esperado.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Cardeais norte-americanos que tinham agendada uma terceira coletiva de imprensa em três dias cancelaram o evento menos de uma hora antes do previsto no Colégio Norte-Americano, em Roma, onde eles estão hospedados.

Uma porta-voz dos cardeais norte-americanos disse que a "preocupação" foi expressa na reunião desta quarta-feira a portas fechadas "sobre vazamentos de procedimentos sigilosos reportados em jornais italianos".

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Mais de 150 cardeais participaram do terceiro dia das reuniões preliminares para esboçar um perfil para o próximo papa após a surpreendente renúncia de Bento 16 no mês passado. Todos menos dois dos 115 "cardeais eleitores" com menos de 80 anos chegaram para as reuniões, informou o Vaticano.

Em seus briefings, os cardeais norte-americanos não revelaram detalhes, mas falaram em geral sobre o processo, bem como suas esperanças e preocupações sobre o estado da Igreja Católica em um momento crucial de sua história.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Perguntado sobre o cancelamento do briefing dos EUA, o porta-voz do Vaticano, padre Federico Lombardi, disse que as reuniões pré-conclave, conhecidas como congregações gerais, tinham que ocorrer em um "clima de confidencialidade".

Cardeais de outros países também vinham falando com a mídia informalmente nas ruas perto do Vaticano, mas os norte-americanos eram o único grupo que realizava briefings formais diários.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247,apoie por Pix,inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Carregando os comentários...
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO