21 dos 51 deputados do PP são investigados por corrupção

Dono da segunda maior bancada da Câmara, com 51 deputados – empatado com o MDB - o PP também é recordista em políticos investigados: 21 deputados, 4 deles já réus no Supremo Tribunal Federal; no início do mês, a PGR denunciou o líder da bancada, deputado Arthur Lira (AL), por recebimento de propina e pediu a perda de seu mandato

arthur lira (PP-AL)
arthur lira (PP-AL) (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Dono da segunda maior bancada da Câmara, com 51 deputados – empatado com o MDB - o PP também é recordista em políticos investigados: 21 deputados, 4 deles já réus no Supremo Tribunal Federal.

O partido está envolvido em esquemas de corrupção há mais de dez anos. Na distribuição do fundo partidário, que leva em conta o número de parlamentares eleitos na última disputa, o PP recebe R$ 4,2 milhões por mês.

No início deste mês, a PGR denunciou o líder da bancada, deputado Arthur Lira, e pediu a perda de seu mandato. O parlamentar é acusado de ter recebido propina de presidente da Companhia Brasileira de Transportes Urbanos (CBTU) em troca de mantê-lo no cargo.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247