Aécio rebate Doria, após pedido de expulsão: "se apropriou de Bolsonaro no inesquecível Bolsodoria"

Tensão entre Aécio Neves e João Doria ocorreu após o mineiro ser acusado de formar um bloco de apoio ao então candidato Arthur Lira, aliado de Jair Bolsonaro e atual principal opositor do governador

(Foto: ABr)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A tensão entre o deputado federal Aécio Neves e o governador de São Paulo, João Doria, ambos do PSDB, ganha novos capítulos nesta quarta-feira (10), após Neves divulgar uma nora chamando o paulista de “oportunista”. 

O conflito entre Neves e Doria ocorreu após o Aécio ser acusado de formar um bloco de apoio ao então candidato Arthur Lira, aliado de Jair Bolsonaro e atual principal opositor do governador. 

Doria solicitou o expulsão de Aécio do PSDB, acusando o mineiro de traição, o que o ele nega. Lembrando que o processo de votação na Câmara é secreto. 

Após o ataque, Aécio divulgou uma nota classificando o comportamento de Doria como “oportunista”.

“Se o Sr. João Dória, por estratégia eleitoral, quer vestir um novo figurino oposicionista para tentar apagar a lembrança de que se apropriou do nome de Bolsonaro para vencer as eleições em São Paulo, através do inesquecível Bolsodoria, que o faça, sem utilizar indevidamente e de forma oportunista outros membros do partido”, provocou Aécio. 

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email