Aécio vai a Rosa Weber “rogar” por CPI exclusiva

Em mais um gesto para tentar emplacar uma CPI que investigue a Petrobras, presidenciável tucano anunciou nesta sexta-feira que pretende se encontrar com a ministra Rosa Weber, do STF, para "rogar" por uma liminar que permita a instalação da comissão parlamentar de inquérito; senador, que defende uma investigação exclusiva da estatal, disse agora estar "pronto para assinar qualquer CPI"; Aécio Neves convocou ainda a população a se manifestar em favor da investigação: "façam isso. Se manifestem nas redes sociais e publicamente"

Em mais um gesto para tentar emplacar uma CPI que investigue a Petrobras, presidenciável tucano anunciou nesta sexta-feira que pretende se encontrar com a ministra Rosa Weber, do STF, para "rogar" por uma liminar que permita a instalação da comissão parlamentar de inquérito; senador, que defende uma investigação exclusiva da estatal, disse agora estar "pronto para assinar qualquer CPI"; Aécio Neves convocou ainda a população a se manifestar em favor da investigação: "façam isso. Se manifestem nas redes sociais e publicamente"
Em mais um gesto para tentar emplacar uma CPI que investigue a Petrobras, presidenciável tucano anunciou nesta sexta-feira que pretende se encontrar com a ministra Rosa Weber, do STF, para "rogar" por uma liminar que permita a instalação da comissão parlamentar de inquérito; senador, que defende uma investigação exclusiva da estatal, disse agora estar "pronto para assinar qualquer CPI"; Aécio Neves convocou ainda a população a se manifestar em favor da investigação: "façam isso. Se manifestem nas redes sociais e publicamente" (Foto: Gisele Federicce)

247 – O senador e presidenciável do PSDB Aécio Neves dará sua cartada final para conseguir instalar uma CPI que investigue a Petrobras. Segundo anunciou nesta sexta-feira, o tucano pretende ir até a ministra do Supremo Tribunal Federal Rosa Weber "rogar" por uma liminar para a instalação da comissão parlamentar de inquérito.

A ministra é a relatora tanto do mandado de segurança apresentado por parlamentares da oposição na última terça-feira 8, que pede uma CPI que investigue somente a Petrobras, quando dos governistas, protocolado na noite de quarta-feira, pedindo a suspensão da CPI, sob a alegação de apresentar fatos "desconexos".

O foco de Aécio, que lidera o movimento da oposição na questão da CPI, é conseguir no STF a criação de uma comissão exclusiva, e não como pede a base, com a investigação também do escândalo do cartel do metrô e do porto de Suape, casos que envolvem o PSDB e o PSB.

No entanto, ele disse hoje estar "pronto para assinar qualquer CPI". "Eu daria minha assinatura para a CPI dos trens", acrescentou Aécio. "Vamos à ministra Rosa Weber rogar e pedir que ela possa nos atender dando uma liminar que permita a instalação da CPU da Petrobras e de tantas outras que a base governista quiser", afirmou o parlamentar.

Convocação às redes sociais

Aécio convocou ainda a população a se manifestar nas redes sociais em favor da CPI. "Houve um tempo lá atrás na CPI dos bingos que acabou gerando descobertas em relação ao mensalão uma grande mobilização social. Teve até protesto na porta do Congresso, Vou dizer aqui pela primeira vez em público: façam isso. Se manifestem nas redes sociais e publicamente. A CPI da Petrobras não é invenção da oposição. É para responder à indignação de todos nós com esse aparelhamento da maior estatal brasileira", defendeu o tucano.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247