Altman: PT deveria fazer apelo coletivo para que Haddad disputasse a prefeitura de São Paulo

"A única candidatura competitiva seria a de Haddad, que poderia se situar em um patamar de 25% a 30% dos votos, o que o levaria para o segundo turno. A presença de Haddad permitiria a nacionalização da campanha", defendeu o jornalista Breno Altman na TV 247. Assista

Breno Altman e Fernando Haddad
Breno Altman e Fernando Haddad (Foto: 247 | Ricardo Stuckert)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O jornalista Breno Altman defendeu no programa Bom Dia 247 nesta segunda-feira 27 a candidatura de Fernando Haddad à Prefeitura de São Paulo. "O PT deve fazer um esforço coletivo de convencer Haddad a ser candidato. Seria possível. Na hora que ele aceitar o partido estaria unido em torno de sua candidatura", disse.

O jornalista apontou que o partido ainda "não tem candidatura competitiva" para a capital paulista. "A única candidatura competitiva seria a de Haddad, que poderia se situação em um patamar de 25% a 30% dos votos, o que o levaria para o segundo turno. A presença de Haddad permitiria a nacionalização da campanha, seria uma disputa política contra o bolsonarismo", avaliou.

Durante o programa, Altman afirmou que a eleição municipal de São Paulo neste ano "é uma batalha decisiva para uma estratégia contra o bolsonarismo". 

"Ganhar a Prefeitura de São Paulo é essencial para a acumulação das forças da oposição de esquerda contra Bolsonaro. A grande batalha é São Paulo. São Paulo é decisivo para a reconstrução política do PT. Haddad é um nome nacional, tem uma trajetória muito positiva no ministério da Educação".

Assista ao comentário do jornalista sobre a eleição em São Paulo a partir de 1h08min de vídeo:

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247