Amoêdo nega apoio a Bolsonaro

O presidenciável João Amoêdo (Novo) diz que não fará aliança com o também candidato ao Palácio do Planalto Jair Bolsonaro (PSL); em nota, Amoêdo afirma que “jamais esteve ou estará com Bolsonaro”; responsáveis pela campanha de Bolsonaro disseram que sondaram um eventual apoio de Amoêdo e, em troca, seria negociado um cargo no governo, se eleito 

Amoêdo nega apoio a Bolsonaro
Amoêdo nega apoio a Bolsonaro (Foto: Dir.: Fabio Pozzebom - ABR)

247 - O presidenciável João Amoêdo (Novo) diz que não fará aliança com o também candidato ao Palácio do Planalto Jair Bolsonaro (PSL). A informação foi publicada pelo Blog do João Vicente.

Em nota, Amoêdo afirma que “jamais esteve ou estará com Bolsonaro” e negou qualquer conversa com o deputado federal para um eventual segundo turno da eleição presidencial. “Amoêdo não ocupará ministério em nenhum governo. Também jamais chamará Bolsonaro para compor o ministério em seu eventual governo”, escreveu.

Responsáveis pela campanha de Bolsonaro disseram ao blog que já havia sondado um eventual apoio de Amoêdo ao candidato e, em troca, seria negociado um cargo no governo, se eleito. 

Na pesquisa Ibope, divulgada nesta terça-feira (18), Amoêdo aparece na sexta posição, com 9% dos votos, empatado com os presidenciáveis Alvaro Dias (Podemos) e Henrique Meirelles (MDB).

Em primeiro lugar ficou Bolsonar (28%), seguido por Fernando Haddad (PT), com 19%. Na terceira posição está Ciro Gomes, do PDT (11%). Em quarto, Geraldo Alckmin, do PSDB (7%). Marina Silva (Rede) aparece na quinta posição (6%).

Atrás de Amoêdo, Alvaro e Meirelles, Cabo Daciolo alcança 1%, na sétima posição. Vera Lúcia (PSTU), Guilherme Boulos (PSOL), João Goulart Filho (PPL) e Eymael (DC) ficaram com 0%.

Conheça a TV 247

Mais de Poder

Ao vivo na TV 247 Youtube 247