Após fala de Heleno, bolsonaristas vão às ruas por 'fechamento do Congresso'

“Basta de sermos reféns de um Congresso que vive em função de satisfazer interesses próprios!”, diz postagem de um movimento. Líderes dos atos dizem que general Heleno, que convocou o povo às ruas contra “chantagem” de parlamentares, “está coberto de razão”

(Foto: PR / Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ministro general Augusto Heleno, chefe do GSI (Gabinete de Segurança Institucional) da Presidência da República, convocou o “povo às ruas” contra o que chamou de “chantagem” do Congresso Nacional e foi ouvido.

Movimentos com força nas redes sociais e ligados a Jair Bolsonaro organizam protestos para o dia 15 de março em apoio ao presidente. “Basta de sermos reféns de um Congresso que vive em função de satisfazer interesses próprios!”, diz postagem do Movimento Brasil Conservador (MBC).

Ontem, o deputado federal Filipe Barros (PSL-PR) postou um anúncio dos atos que são contra sua própria atividade parlamentar junto a uma imagem de Heleno e a palavra “foda-se”, usada pelo general quando foi flagrado fazendo críticas ao Congresso.

Na quarta-feira, o chefe do GSI declarou, sem saber que sua voz era captada por uma transmissão. “nós não podemos aceitar esses caras chantagearem a gente o tempo todo. Foda-se”.

 

 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247