Assessoria diz que Temer não propôs rompimento

Por meio de sua conta no Twitter, a vice-presidência criticou a divulgação da carta de Michel Temer à presidente Dilma Rousseff, e nega que Temer tenha pragado o rompimento com o governo; "Não propôs rompimento entre partidos ou com o governo", diz; "Exortou, pelo contrário, a reunificação do país, como já o tem feito em pronunciamentos anteriores. E manterá a discussão pessoal privada no campo privado", completa

Por meio de sua conta no Twitter, a vice-presidência criticou a divulgação da carta de Michel Temer à presidente Dilma Rousseff, e nega que Temer tenha pragado o rompimento com o governo; "Não propôs rompimento entre partidos ou com o governo", diz; "Exortou, pelo contrário, a reunificação do país, como já o tem feito em pronunciamentos anteriores. E manterá a discussão pessoal privada no campo privado", completa
Por meio de sua conta no Twitter, a vice-presidência criticou a divulgação da carta de Michel Temer à presidente Dilma Rousseff, e nega que Temer tenha pragado o rompimento com o governo; "Não propôs rompimento entre partidos ou com o governo", diz; "Exortou, pelo contrário, a reunificação do país, como já o tem feito em pronunciamentos anteriores. E manterá a discussão pessoal privada no campo privado", completa (Foto: Aquiles Lins)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A assessoria de comunicação do vice-presidente Michel Temer negou que ele tenha pregado o rompimento do PMDB com o governo ou com o PT. 

Por meio de sua conta no Twitter, a vice-presidência afirmou que diante da informação de que a presidente o procuraria para conversar, Temer resolveu escrever uma carta à presidente, em que aponta "fatos reveladores" da desconfiança que o governo tem em relação a ele e ao PMDB.

"Não propôs rompimento entre partidos ou com o governo", diz a assessoria de Temer. "Exortou, pelo contrário, a reunificação do país, como já o tem feito em pronunciamentos anteriores. E manterá a discussão pessoal privada no campo privado", completa.

A vice-presidência também criticou a divulgação da carta de Temer a Dilma. 

Confira os tweets.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email