Bolsonaro diz aplicar quimioterapia no Brasil e defende seu filho Eduardo como embaixador

“Temos que tomar decisões que não agradam a todos, com a possibilidade de indicar para a embaixada dos Estados Unidos um filho meu, muito criticada pela mídia. Se está sendo criticada pela mídia é que estamos no caminho certo”, disse ele, que também afirmou estar aplicando uma quimioterapia no Brasil

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Da revista Fórum – Participando de sessão no plenário da Câmara de homenagem ao Comando de Operações Especiais do Exército, Jair Bolsonaro disse nesta segunda-feira (15) que o Brasil “precisa de uma quimioterapia”.

“O Brasil precisa de uma quimioterapia, para que não pereça. E estamos fazendo juntos essa quimioterapia, para que o Brasil reaja”, disse aos parlamentares, referindo-se às reformas propostas pelo governo, como a da Previdência.

Bolsonaro ainda voltou a defender a indicação do filho, Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) para a embaixada em Washington, nos Estados Unidos, dizendo que é preciso tomar medidas que muitas vezes não agrada a todos e minimizando as críticas da imprensa.

“Temos que tomar decisões que não agradam a todos, com a possibilidade de indicar para a embaixada dos Estados Unidos um filho meu, muito criticada pela mídia. Se está sendo criticada pela mídia é que estamos no caminho certo”, discursou.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email