“Bolsonaro quer privatizar o SUS porque está comprometido com a morte”, diz Lula

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva criticou duramente o projeto de privatização das Unidades Básicas de Saúde, apresentado por Paulo Guedes e Jair Bolsonaro

Lula e Jair Bolsonaro
Lula e Jair Bolsonaro (Foto: Ricardo Stuckert | PR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O projeto de privatização da saúde pública, em plena pandemia de coronavírus, apresentado por Jair Bolsonaro e Paulo Guedes, por meio da privatização das Unidades Básicas de Saúde, foi duramente criticado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

“O SUS é um patrimônio a serviço do povo brasileiro e não pode ser privatizado. Foi na pandemia do coronavírus que os brasileiros viram de perto a importância de um sistema público gratuito e universalizado para a sobrevivência e proteção dos nossos cidadãos”, afirmou Lula em seu twitter.

“Agora, Bolsonaro ataca o SUS e caminha para privatizar a saúde, em mais um decreto nefasto de um governo que parece cada dia mais comprometido com a morte. É urgente a defesa do SUS. É urgente defender a vida”, disse ainda o ex-presidente.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247