Mourão defende reeleição de Bolsonaro e diz que ele vai chegar "extremamente competitivo" em 2022

Vice-presidente Hamilton Mourão afirmou que Jair Bolsonaro deve chegar às eleições presidenciais de 2022 “extremamente competitivo”. “Julgo que o trabalho que o presidente Jair Bolsonaro vem realizando dará bons frutos e ele chegará em 2022 extremamente competitivo”, disse

Hamilton Mourão e Jair Bolsonaro
Hamilton Mourão e Jair Bolsonaro (Foto: REUTERS/Adriano Machado)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Lizandra Paraguassu, Reuters - O vice-presidente Hamilton Mourão afirmou nesta quarta-feira que o presidente Jair Bolsonaro deve chegar às eleições presidenciais de 2022 “extremamente competitivo” e que o ideal seria que o presidente cumprisse dois mandatos.

De acordo com o vice-presidente, o governo federal precisa resolver dois problemas: solucionar o déficit fiscal e avançar nas questões de segurança pública, saúde e educação para que, nas próximas eleições, não haja um retorno a uma “visão anterior”.

“Julgo que o trabalho que o presidente Jair Bolsonaro vem realizando dará bons frutos e ele chegará em 2022 extremamente competitivo”, afirmou, em entrevista ao vivo pela internet ao jornal Diário de Pernambuco.

Mourão também voltou a defender a discussão sobre um novo tributo sobre operações financeiras no modelo da antiga CPMF, para compensar a desoneração da folha de pagamento das empresas.

“O nosso sistema tributário é complexo e caro, precisamos mudá-lo, mas no momento não podemos diminuir a carga (de impostos)”, defendeu o vice-presidente.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247