Carnaval dura 19 dias para deputados de Pernambuco

Farra carnavalesca da Assembleia Legislativa tem incio na tarde desta quarta-feira (8) e s ser encerrada no dia 27 deste ms; sero 15 dias a mais de folia do que qualquer cidado tem direito

Beatriz Braga_PE247 – O ano só começa depois do Carnaval. A conhecida expressão, normalmente encarada como metáfora, ganhou sentido literal para os deputados estaduais de Pernambuco. Ao contrário do restante da população do Estado, a Assembleia Legislativa levou a sério o dito popular e fechará suas portas por 19 dias para aproveitar a folia de Momo. Curiosamente, o “bloco”, comandando pelo presidente Guilherme Uchoa (PDT), regressou, há pouco mais de uma semana, de um recesso parlamentar de 41 dias. Durante o período, apenas seis reuniões plenárias foram realizadas. Os nossos excelentíssimos representantes, mais uma vez, demonstram que só parecem ligar para a opinião pública no período eleitoral.

A farra carnavalesca dos deputados estaduais tem início na tarde desta quarta-feira (8) e só será encerrada no dia 27 deste mês. Se levarmos em conta que o Carnaval (oficial) dura “apenas” quatro dias, os parlamentares da Alepe ganharão 15 dias a mais do que qualquer cidadão. Um absurdo? Para o presidente Guilherme Uchoa, parece que não. O mandatário do Poder Legislativo Estadual tentou justificou a esticadinha carnavalesca com a necessidade da realização de uma obra no piso do plenário do Palácio Joaquim Nabuco – sede da instituição. A intervenção deverá custar de R$ 20 a R$ 30 mil.

O curioso é que o recesso de mais de um mês de final do ano não foi aproveitado para a realização dessa “urgente” reforma. No entanto, se a razão fosse apenas o piso, os parlamentares poderiam redirecionar as reuniões para o plenarinho, no prédio anexo da Alepe, que fica em frente ao Palácio Joaquim Nabuco, como já fizeram durante a reestruturação da construção histórica. Mas, desta vez, preferiram suspender as sessões que estavam previstas até o Carnaval.

Segundo Guilherme Uchoa, a esticadinha carnavalesca não acarretará em prejuízo para as atividades da Assembleia, até porque, conforme o presidente, “os projetos do executivo ainda não chegaram e há apenas um do Judiciário, que não está em regime de urgência”.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247