CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Poder

Circo Brasil: Tiririca assina a CPI da Corrupção

Na semana em que o PR deixou a base de sustentao do governo Dilma, o deputado mais votado do Brasil colocou sua assinatura no requerimento para investigar desmandos em Braslia; ser que ele quer ver o circo pegar fogo?

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 – Nesta semana, o PR debochou do governo Dilma Rousseff. Na manhã de hoje, a ministra das Relações Institucionais, Ideli Salvatti foi pedir a volta do partido – alvo da “faxina” no ministério dos Transportes – à base de sustentação do governo. O líder da bancada, Lincoln Portela, fez troça. Saiu dizendo que precisaria consultar a militância do partido. Ideli só procurou o parlamentar porque ameaças veladas chegaram ao Planalto. Por intermédio do publicitário Marcos Valério de Souza, réu de primeira grandeza do Mensalão, soube-se que o parlamentar Valdemar Costa Neto, homem forte do PR, estava insatisfeito. “Cuidem bem do Valdemar”, disse Valério a vários interlocutores. Aparentemente, não cuidaram tão bem assim. E o PR acaba de escalar seu deputado mais votado – que, por sinal, é também o mais votado do Brasil – para assinar o requerimento da CPI da Corrupção. Sim, ele mesmo, o ex-palhaço Tiririca.

Deputado federal mais votado do Brasil, o parlamentar vinha até agora acompanhando o governo na maioria das votações. Nesta semana, fez parte de uma comitiva de parlamentares ligados à cultura e visitou a ministra das Relações Institucionais, Ideli Salvatti, no Palácio do Planalto. A assessoria do parlamentar não conseguiu localizá-lo hoje para falar sobre o tema. A informação de que o deputado assinou o requerimento está no site lançado pela oposição para divulgar informações sobre a CPI: http://cpidacorrupcao.blogspot.com/.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

O deputado não foi o único de seu partido a apoiar a investigação após o afastamento da base. Além dele, outros treze deputados do PR assinaram o requerimento. No Senado, nenhum dos seis senadores apoiou a iniciativa, que teria como um dos focos justamente investigar a gestão do PR na pasta dos Transportes.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO