Com Alckmin, Dilma amplia Minha Casa...

Ao lado do governador tucano, presidente anuncia que entregar 400 mil casas a mais no programa de moradias populares; beneficirios so famlias com renda at R$ 1,6 mil

Com Alckmin, Dilma amplia Minha Casa...
Com Alckmin, Dilma amplia Minha Casa... (Foto: EPITÁCIO PESSOA/AGÊNCIA ESTADO)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

A presidente Dilma Rousseff anunciou hoje que estuda ampliar a meta de construção de casas por meio do programa Minha Casa Minha vida. Durante cerimônia de assinatura de termo de compromisso de cooperação entre a Caixa e o governo de São Paulo dentro do programa Minha Casa Minha Vida, Dilma afirmou que está analisando a possibilidade de ampliar em mais 400 mil unidades a meta de construção de moradias populares na segunda fase do programa Minha Casa Minha Vida, atualmente em 2 milhões de unidades.

Segundo a presidente, essa decisão sairá até junho deste ano e o objetivo é priorizar a população que ganha até 3 salários mínimos, com faixa de renda mensal de até R$ 1,6 mil. "Nós prometemos quando lançamentos o programa Minha Casa Minha Vida 2 os 2 milhões de moradias, nós estamos considerando até junho aumentar esse número em mais 400 mil unidades. Isso significará 400 mil moradias para essa faixa de renda de até R$ 1,6 mil. Quando chegar junho nós faremos essa avaliação", afirmou.

Dilma disse que a faixa 1 do programa Minha Casa Minha Vida, que atende famílias com renda de até R$ 1,6 mil, já teve acesso a 326 mil casas do programa Minha Casa Minha Vida 1 e 157 mil unidades da segunda fase deste programa.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email