Dilma adia posses de Kátia e Armando Monteiro

Com isso, o Planalto transmite a mensagem de que os futuros ministros da Agricultura e do Desenvolvimento, a senadora Kátia Abreu (PMDB-TO) e o senador Armando Monteiro (PTB-PE), são da cota política, e não econômica, do governo

Comissão Assuntos Econômicos CAE Senadora Kátia Abreu Local: Senado Federal, Brasília DF Foto Igo Estrela
Comissão Assuntos Econômicos CAE Senadora Kátia Abreu Local: Senado Federal, Brasília DF Foto Igo Estrela (Foto: Leonardo Attuch)

247 - O anúncio dos novos ministros da Agricultura e do Desenvolvimento, Kátia Abreu e Armando Monteiro, foi adiado.

Quem informa é a colunista Vera Magalhães, do Painel:

Dilma Rousseff desistiu de nomear oficialmente hoje Kátia Abreu (Agricultura) e Armando Monteiro (Desenvolvimento) para deixar claro que eles integram a cota política, e não técnica, do novo governo. A presidente quis evitar que o PMDB alegasse que a senadora será parte da equipe econômica e pedisse outras cinco pastas para manter seu quinhão na Esplanada. Assim, Dilma, que convidou Kátia há nove dias, deixará a aliada por tempo indefinido sob ataque do PT.

Brasil 247 lança concurso de contos sobre a quarentena do coronavírus. Participe do concurso

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247