Durante fuga, Olavo de Carvalho não passou pela imigração para sair do Brasil e voou do Paraguai para os EUA

Fuga repentina do Brasil ocorreu após a Polícia Federal o intimar para depor no inquérito sobre a existência de milícias extremistas digitais

www.brasil247.com - Olavo de Carvalho
Olavo de Carvalho (Foto: Reprodução/Facebook)
Siga o Brasil 247 no Google News

247 - A fuga de Olavo de Carvalho após ser intimado pela Polícia Federal envolveu compra de passagens em dinheiro, viagem de carro até o Paraguai e cruzamento da fronteira sem passar pela imigração. As informações são do inquérito sobre a existência de milícias digitais, no qual Olavo foi intimado. 

O guru do bolsonarismo saiu do país depois de a PF o chamar para depor e alegou problemas de saúde para não comparecer à oitiva.

Olavo foi intimado no dia 9 de novembro. Um dia depois, a esposa do escritor comprou duas passagens para Miami com saída de Assunção, no Paraguai, previstas para o dia seguinte.

PUBLICIDADE

De acordo com o Painel, do jornal Folha de S.Paulo, a compra foi realizada em um agência de viagens e o pagamento foi feito em dinheiro.

Ainda no dia 10, após a aquisição dos bilhetes, Olavo saiu sem avisar da clínica onde estava internado. O estabelecimento registrou a saída como "evasão do paciente".

PUBLICIDADE

Depois de deixar o local, o casal remarcou as passagens para o dia 13 de novembro, quando decolaram rumo aos EUA. Ele viajou de carro até o Paraguai e não passou pela imigração ao sair do Brasil.

Já nos EUA, ele gravou um vídeo em que negou ter saído para se esconder do depoimento. No entanto, ele não explicou de que forma conseguiu sair do país. Hipóteses indicavam até mesmo o  uso de um avião da FAB para transportá-lo.  

PUBLICIDADE

A fuga orquestrada de Olavo abriu margem para diversas especulações. Internautas apontam que o guru obteve informações privilegiadas da PF para antecipar sua saída do Brasil, evitando desta forma o depoimento.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email