Eduardo Bolsonaro rascunha estatuto do partido Conservadores para abrigar o pai

De acordo com a minuta com as premissas a serem adotadas, a sigla terá como princípios a “moralidade cristã, a vida a partir da concepção, a liberdade e a propriedade privada”. O texto defende ainda o direito à legítima defesa individual, combate à sexualização precoce de crianças e à apologia da ideologia de gênero e defesa do legado da “moralidade cristã e da civilização ocidental”

Eduardo Bolsonaro faz gesto de arma em frente a monumento pela paz
Eduardo Bolsonaro faz gesto de arma em frente a monumento pela paz (Foto: Reprodução)

247 – Uma das alternativas para abrigar Jair Bolsonaro após sua saída do PSL é a criação de um novo partido, chamado de Conservadores, cuja criação vem sendo articulada pelo deputado Eduardo Bolsonaro, que poderia criar uma nova legenda do zero. "O caminho está sendo pavimentado, e o partido seria batizado de Conservadores. Aliados do deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) estão, inclusive, finalizando o estatuto dessa nova legenda", aponta reportagem de Guilherme Caetano e Daniel Giulino, publicada no Globo.

De acordo com a minuta com as premissas a serem adotadas, a sigla terá como princípios a “moralidade cristã, a vida a partir da concepção, a liberdade e a propriedade privada”. O texto defende ainda o direito à legítima defesa individual, combate à sexualização precoce de crianças e à apologia da ideologia de gênero e defesa do legado da “moralidade cristã e da civilização ocidental”. Filiados estarão proibidos de fazer alianças com partidos da “esquerda bolivariana”, apontam os jornalistas.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247