Estudo da USP revela: Haddad tem 99,4% de chance de vencer

"Se a eleição fosse realizada hoje, Haddad teria nada menos do que 99,4% de chance de suceder Michel Temer, contra apenas chances irrisórias de Bolsonaro. O que mudou? O fato de Haddad passar a vencer Bolsonaro no segundo turno com relativa facilidade", revela Gesner Oliveira, da GO Associados, que encomendou um estudo exclusivo do Instituto de Matemática e Estatística da USP

Estudo da USP revela: Haddad tem 99,4% de chance de vencer
Estudo da USP revela: Haddad tem 99,4% de chance de vencer (Foto: Ricardo Stuckert)

247 - Um estudo da USP calcula que a vitória do candidato do PT, Fernando Haddad, é praticamente certa. "Se a eleição fosse realizada hoje, Haddad teria nada menos do que 99,4% de chance de suceder Michel Temer, contra apenas chances irrisórias de Bolsonaro", revela Gesner Oliveira, da GO Associados, em sua coluna no portal UOL. Gesner é ligado ao PSDB e foi presidente do Cade durante o governo FHC.

"O que mudou?", explica o economista e professor da FGV. "O fato de Haddad passar a vencer Bolsonaro no segundo turno com relativa facilidade", responde. O estudo foi feito pelo professor Sergio Wechsler, do Instituto de Matemática e Estatística da USP, com exclusividade para a GO Associados, da qual Gesner é sócio executivo.

"É claro que essa avaliação revela um determinado momento da campanha. Ações estratégicas das campanhas podem alterar o quadro. Ou eventos inesperados, como o trágico atentado contra Bolsonaro no passado recente", comenta Gesner.

Segundo ele, "a reação do mercado financeiro aos últimos resultados deveria ser negativa, especialmente em dia de crise argentina. Houve sinais de queda da Bolsa e elevação do dólar, mas foram passageiros. Com a ajuda do preço das commodities, o mercado parece se acostumar às súbitas mudanças nos ventos da política".

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247