“Eu amo o meu pai”

Em entrevista, o deputado Zeca Dirceu (PT-PR), filho de José Dirceu, revela como sua família acompanha o julgamento do mensalão

 “Eu amo o meu pai”
“Eu amo o meu pai” (Foto: Divulgação_Folhapress)

247 – Numa rara entrevista, concedida a Débora Bergamasco, do Estado de S. Paulo (leia mais aqui) o deputado Zeca Dirceu (PT-PR) falou sobre como sua família tem acompanhado o julgamento. Confira alguns trechos:

O processo

São sete anos de pancadaria, né? Meu pai está sendo massacrado. Nada do que acontecer daqui para frente pode ser pior, nem para ele, nem para nós, do que tudo o que passamos nesses sete anos. Nossa, é tão difícil falar sobre isso, por isso nunca falo. Vou dizer o quê? Ele é meu pai e eu amo o meu pai.

As irmãs

Eu ainda estou mais acostumado com o jogo político. Mas para as minhas duas irmãs, que não são dessa área, está sendo ainda mais difícil de lidar com esta situação. Elas são novas, uma delas tem 22, a outra tem 24 anos, imagine como fica a cabeça delas?

Condenação antecipada

Mas ele já foi condenado. Destruíram a imagem dele, que tanto tempo ele levou para construir. O que pode ser pior que isso? É um massacre, inclusive por parte da mídia, com todo o respeito.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247