Freire ao 247: "Esquerda quer Serra e Marina"

Presidente do PPS esfrega as mãos e manda ver no Twitter; "Líderes como José Serra e Marina Silva têm o poder de reaglutinar a esquerda democrática no Brasil", disse ele ao 247; tudo o que menos importa para Roberto Freire são os efeitos deletérios que uma saída de José Serra dos quadros partidários poderá provocar no PSDB; "Não tenho opinião formada sobre esse assunto", desviou; "Mas nunca tivemos compromisso como uma candidatura única"

Freire ao 247: "Esquerda quer Serra e Marina"
Freire ao 247: "Esquerda quer Serra e Marina"
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Juliane Sacerdote _ Brasília 247 – Quem disse que 2014 está longe? Para a política, o assunto já está fervilhando. O presidente nacional do PPS já começou as discussões há meses, e admite ter convidado José Serra para compor uma nova formação política. Existem três hipóteses: Serra ir para o PPS; a criação de um novo partido; ou uma fusão com duas ou mais siglas.

Ao Brasil 247, Roberto Freire destaca que o Brasil tem duas figuras hoje, José Serra e Marina Silva, que podem "ampliar a esquerda democrática do Brasil". E destaca que as discussões estão em curso com o ex-governador de São Paulo. O deputado federal por São Paulo destaca que Marina nunca procurou o partido, mas que o "PPS está aberto" a discutir o tema.

Mesmo com a possibilidade de um racha no PSDB, Freire evitou fazer comentários sobre as repercussões dentro da legenda tucana. E reafirma que nada ainda "está fechado" e que as negociações continuam.

Mas o presidente nacional do PPS deixou no ar um questionamento da reportagem, se há algo concreto ou acertado em torno da candidatura de José Serra à presidência da república. "O partido [PPS] não vai discutir nova formação política por conta de uma candidatura apenas. A ideia não essa", destacou.

Twitter

Roberto Freire não poupou os dedos nesta terça-feira e também alimentou seus mais de 17 mil seguidores no Twitter. Desde o meio dia, o parlamentar tem detalhado os planos do PPS, dizendo que seu partido "admite discutir nova formação política democrática de esquerda com líderes tipo Marina/Serra, outros". Freire ponderou, contudo, que "discussões sobre nova formação política não estão definidas até porque a hipótese é de difícil concretização".

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email