Gilmar Mendes: “Preso ou solto, Lula está inelegível”

"A não ser que aconteçam outras coisas o presidente Lula hoje já está inelegível com a simples decisão de Porto Alegre, independentemente da prisão ou não. Portanto, a meu ver ele já está fora", disse ele

Brasília - Presidente do TSE, Gilmar Mendes, faz balanço dos trabalhos do tribunal e apresenta dados sobre prestações de contas de campanhas referentes às eleições municipais deste ano (Marcelo Camargo/Agência Brasil)
Brasília - Presidente do TSE, Gilmar Mendes, faz balanço dos trabalhos do tribunal e apresenta dados sobre prestações de contas de campanhas referentes às eleições municipais deste ano (Marcelo Camargo/Agência Brasil) (Foto: Leonardo Attuch)

247 – O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, que ontem sinalizou que o ex-presidente Lula deve obter seu habeas corpus na corte, já mostrou a outra face da moeda, em entrevista à jornalista Ana Meireles, do Diário de Notícias, de Portugal. "A não ser que aconteçam outras coisas o presidente Lula hoje já está inelegível com a simples decisão de Porto Alegre, independentemente da prisão ou não. Portanto, a meu ver ele já está fora", disse ele.

"Lula é inelegível e não é por conta da condenação criminal só. É a condenação criminal em segunda instância com a lei da chamada Ficha Limpa. Independentemente de estar preso ou solto, ele está inelegível".

Leia aqui a íntegra da entrevista.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247