Lira e PT negociam aliança pela reeleição na Câmara e pela aprovação da PEC da Transição

Articulação é vista como ensaio do que pode vir a ser a base aliada do governo Lula na Câmara, com 300 a 350 deputados

www.brasil247.com - Arthur Lira e Lula
Arthur Lira e Lula (Foto: REUTERS/Adriano Machado)


247 - O PT sinalizou que poderá apoiar a recondução de Arthur Lira (PP-AL) à presidência da Câmara em troca de um maior envolvimento do parlamentar na aprovação da PEC da Transição. A sinalização vem na esteira da movimentação feita por Lira para formar uma chapa única pelo comando da Casa, que uniria até mesmo legendas antagônicas como o PT, PL e Republicanos. 

“A composição daria a Lira o comando para definir a divisão de espaços estratégicos na Casa e que selam o destino de votações relevantes no Legislativo – seja para fazê-las avançar mais rápido, seja para travá-las. Pelo arranjo, o União Brasil revezaria pelos próximos quatro anos o comando das comissões de Constituição e Justiça e a de Orçamento com o PT e o PL. Ainda não há acordo, porém, porque os petistas não aceitam entregar ao partido de Jair Bolsonaro (PL) o comando do Orçamento de 2024”, diz a Coluna do Estadão, do jornal O Estado de S. Paulo. 

A CNN Brasil destaca que “se a negociação evoluir, o PT formaria um bloco parlamentar para a eleição da Mesa da Câmara junto com partidos que hoje integram formalmente a base parlamentar do presidente Jair Bolsonaro (PL), como PP e Republicanos. Em contrapartida, Lira ajudaria o governo eleito a aprovar a PEC do Estouro”.

A movimentação já estaria sendo vista “como um possível embrião do que viria a ser uma base aliada do futuro governo Lula que na largada da nova legislatura apoiaria conjuntamente também a reeleição de Arthur Lira. O número estimado de parlamentares é de algo entre 300 e 350 deputados”.

Apesar disso, Lira e aliados temem que o PL, partido de Jair Bolsonaro, que conta com 101 deputados, não integre o bloco, o que abriria espaço para o lançamento de uma chapa contrária à sua reeleição. 

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista: 

 

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247