Listão de mimos da OAS tem corte de terno para Aécio

Multipartidário, há desde gravatas até relógios de R$ 10,6 mil no rol de presentes de aniversário feito pela empreiteira OAS para agradar políticos; Aécio Neves, presidente do PSDB, teria ganho um 'corte' de terno; senador Aloysio Nunes confirmou ter recebido gravata; ex-chefe de gabinete da presidência da Petrobras Armando Tripodi (gestão Sergio Gabrielli) foi contemplado com requintado relógio H. Stern; deputado Miro Teixeira (PDT-RJ) teria merecido porta-relógio de mais de R$ 4 mil

www.brasil247.com - Multipartidário, há desde gravatas até relógios de R$ 10,6 mil no rol de presentes de aniversário feito pela empreiteira OAS para agradar políticos; Aécio Neves, presidente do PSDB, teria ganho um 'corte' de terno; senador Aloysio Nunes confirmou ter recebido gravata; ex-chefe de gabinete da presidência da Petrobras Armando Tripodi (gestão Sergio Gabrielli) foi contemplado com requintado relógio H. Stern; deputado Miro Teixeira (PDT-RJ) teria merecido porta-relógio de mais de R$ 4 mil
Multipartidário, há desde gravatas até relógios de R$ 10,6 mil no rol de presentes de aniversário feito pela empreiteira OAS para agradar políticos; Aécio Neves, presidente do PSDB, teria ganho um 'corte' de terno; senador Aloysio Nunes confirmou ter recebido gravata; ex-chefe de gabinete da presidência da Petrobras Armando Tripodi (gestão Sergio Gabrielli) foi contemplado com requintado relógio H. Stern; deputado Miro Teixeira (PDT-RJ) teria merecido porta-relógio de mais de R$ 4 mil (Foto: Ana Pupulin)


247 – Um listão com nomes de políticos e os respectivos presentes de aniversário que teriam sido dedicados a eles pela empreiteira OAS – uma das envolvidas na Operação Lava Jato – foi descoberto pela Polícia Federal em um dos computadores da empresa. O rol de mimos, lembranças e presentes caros inclui políticos de diferentes partidos, num arco que vai do presidente do PSDB, Aécio Neves, ao ex-ministro José Dirceu, do PT. Tudo de muito bom gosto e qualidade. A informação foi dada inicialmente pelo site Folha.com .

Um 'corte' de terno teria sido dedicado pela OAS ao presidente do PSDB. Vice de Aécio nas eleições de outubro, o senador Aloysio Nunes confirmou ter ganho uma gravata. Complemento de vestuário do mesmo tipo teria sido remetido ao então ministro da Educação Aloizio Mercadante (PT), que negou ter recebido o presente.

O mimo que mais chama atenção teria sido dado ao chefe do então presidente da Petrobras Sergio Gabrielli, Armando Tripodi. Nada menos que um relógio da marca H. Stern – a mais famosa joalheria brasileira – no valor anotado de R$ 10.619,00.

O deputado Miro Teixeira (PDT-RJ) teria sido lembrado, em sua data natal, com uma caixa porta-relógio, da mesma H. Stern. E que porta-relógio deve ser, pois o preço marcado no listão da contabilidade extra da OAS é de R$ 4,9 mil.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A ex-chefe do escritório da Presidência da República em São Paulo, Rosemary Noronha, tem seu nome associado a um kit churrasco. O tesoureiro do PT, João Vaccari, seria contemplado com "uma caixa de Pera Manca". Noutra anotação, pelo menos uma garrafa do precioso vinho português foi endereçada ao ex-ministro José Dirceu.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O ex-presidente Lula e a presidente Dilma Rousseff tem seus nomes na lista, mas não associados diretamente a algum presente. Lula tem como associação um "ver com P.Okamoto", nome de seu maior auxiliar no Instituto Lula. Dilma tem o sinal de "ver com J. Fortes", nome ainda não associado a algum personagem da corte brasiliense.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O listão diz muito sobre as relações entre as empreiteiras e o mundo político. E, no limite, por acarretar consequências legais. De acordo com memorando aos clientes distribuído pela banca de advocacia Mattos Filho, ainda em 2013, a aceitação de brindes com valor acima de R$ 100,00 pode acarretar no enquadramento na lei anticorrupção.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email