Lobista da Odebrecht visitou Jucá 75 vezes

Líder do governo no Senado e presidente nacional do PMDB, Romero Jucá (PMDB-RR) foi o senador mais visitado pelo lobista da Odebrecht Cláudio Melo Filho, delator da Lava Jato, no período em que tramitaram medidas provisórias de interesse da empresa que teriam sido aprovadas por meio de pagamento de propina a parlamentares, de acordo com delatores do grupo; nos dias em que essas MPs tramitaram no Congresso, Melo Filho entrou no Senado cerca de 20 vezes em direção ao gabinete de Jucá; de 2009 a 2014, foram 75 vezes visitas ao senador; os registros de entrada foram fornecidos pela Secretaria de Polícia do Senado e constam em inquérito da PF

Líder do governo no Senado e presidente nacional do PMDB, Romero Jucá (PMDB-RR) foi o senador mais visitado pelo lobista da Odebrecht Cláudio Melo Filho, delator da Lava Jato, no período em que tramitaram medidas provisórias de interesse da empresa que teriam sido aprovadas por meio de pagamento de propina a parlamentares, de acordo com delatores do grupo; nos dias em que essas MPs tramitaram no Congresso, Melo Filho entrou no Senado cerca de 20 vezes em direção ao gabinete de Jucá; de 2009 a 2014, foram 75 vezes visitas ao senador; os registros de entrada foram fornecidos pela Secretaria de Polícia do Senado e constam em inquérito da PF
Líder do governo no Senado e presidente nacional do PMDB, Romero Jucá (PMDB-RR) foi o senador mais visitado pelo lobista da Odebrecht Cláudio Melo Filho, delator da Lava Jato, no período em que tramitaram medidas provisórias de interesse da empresa que teriam sido aprovadas por meio de pagamento de propina a parlamentares, de acordo com delatores do grupo; nos dias em que essas MPs tramitaram no Congresso, Melo Filho entrou no Senado cerca de 20 vezes em direção ao gabinete de Jucá; de 2009 a 2014, foram 75 vezes visitas ao senador; os registros de entrada foram fornecidos pela Secretaria de Polícia do Senado e constam em inquérito da PF (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Líder do governo Temer no Senado e presidente nacional do PMDB, Romero Jucá (PMDB-RR) foi visitado 75 vezes pelo lobista da Odebrecht Cláudio Melo Filho entre 2009 e 2014. 

As informações constam em inquérito da Polícia Federal que investiga a compra de Medidas Provisórias pela Odebrecht e são de registros de entrada fornecidos pela Secretaria de Polícia do Senado, segundo reportagem da Folha.

Jucá foi o senador mais visitado pelo delator da Lava Jato no período em que tramitaram MPs de interesse da empresa que teriam sido aprovadas por meio de pagamento de propina a parlamentares, de acordo com delatores do grupo.

Nos dias em que essas medidas tramitaram no Congresso, Melo Filho entrou no Senado cerca de 20 vezes em direção ao gabinete de Jucá.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo APOIA.se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247