Marta Suplicy pede 'a cabeça' de Mercadante

“Uma coisa é certa, se não podemos trocar de comandante, em pleno voo de turbulências, o mínimo que podemos exigir é a troca imediata da equipe de comando. A começar pelo copiloto, responsável maior por ter traçado a desastrada rota de voo”, disse a senadora petista, em referência ao ministro-chefe da Casa Civil, Aloizio Mercadante 

“Uma coisa é certa, se não podemos trocar de comandante, em pleno voo de turbulências, o mínimo que podemos exigir é a troca imediata da equipe de comando. A começar pelo copiloto, responsável maior por ter traçado a desastrada rota de voo”, disse a senadora petista, em referência ao ministro-chefe da Casa Civil, Aloizio Mercadante 
“Uma coisa é certa, se não podemos trocar de comandante, em pleno voo de turbulências, o mínimo que podemos exigir é a troca imediata da equipe de comando. A começar pelo copiloto, responsável maior por ter traçado a desastrada rota de voo”, disse a senadora petista, em referência ao ministro-chefe da Casa Civil, Aloizio Mercadante  (Foto: Roberta Namour)

247 – Prestes a deixar o PT para se lançar à Prefeitura de SP em 2016, senadora Marta Suplicy volta a criticar o governo Dilma Rousseff. Desta vez, ela sugere a saída do chefe da Casa Civil, Aloizio Mercadante.

“O governo Dilma e seu núcleo político não têm mais condições de continuar errando. Passou da hora de mudar a postura, construir um novo consenso, se é que é possível. É preciso reordenar as ações e o discurso. As pessoas que aí estão não têm mais autoridade, capacidade e nem condições de continuar”, diz em artigo.

“Uma coisa é certa, se não podemos trocar de comandante, em pleno voo de turbulências, o mínimo que podemos exigir é a troca imediata da equipe de comando. A começar pelo copiloto, responsável maior por ter traçado a desastrada rota de voo”, conclui (leia mais).

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247