Moro, o “Judas”, responde a Bolsonaro: “Há lealdades maiores do que as pessoais”

Exatamente 24 horas depois de ser acusado de traidor e “Judas” em um tweet de Jair Bolsonaro, Sérgio Moro retrucou, também pelo Twitter, na manhã deste domingo: “Há lealdades maiores do que as pessoais”

(Foto: Agência Brasil)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Sergio Moro respondeu na manhã deste domingo à acusação de traidor e “Judas” que lhe foi feita por Jair Bolsonaro no sábado. A acusação e a resposta foram curiosamente postada nos perfis do Twitter de ambos no mesmo horário, 10h05, com 24h de diferença. À acusação de Bolsonaro, Moro respondeu: “Há lealdades maiores do que as pessoais”.

A guerra entre os dois ex-aliados é o principal embate do governo Bolsonaro desde o seu início. Moro demitiu-se do governo depois de meses de desavenças com Bolsonaro, que tiveram como ponto culminante a substituição do diretor-geral da Polícia Federal de um escudeiro de Moro, Maurício Valeixo, pelo ex-guarda-costas de Bolsonaro, Alexandre Ramagem.

Moro prestou depoimento neste sábado por mais de oito horas na sede da superintendência da Polícia Federal, em Curitiba. A oitiva foi determinada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Celso de Mello, que supervisiona as investigações. O inquérito aberto pelo procurador-geral da República, Augusto Aras, investiga o teor do discurso de Moro ao se despedir do cargo de ministro da Justiça, no dia 24 de abril, quando acusou Bolsonaro de tentar interferir indevidamente na PF.

Veja o tweet de Moro e o de Bolsonaro abaixo:

 

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247