“Não há relação entre o delinquente e o GDF”

Palavra do presidente do PT, Rui Falco; em Braslia, ele reafirmou apoio do partido ao governador Agnelo Queiroz; escutas mostram que administrao foi assediada, mas ficou longe da armao de Carlinhos Cachoeira

“Não há relação entre o delinquente e o GDF”
“Não há relação entre o delinquente e o GDF” (Foto: Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – Na esteira das prisões feitas na madrugada desta quarta-feira 25 pela Operação Saint-Michel, o presidente nacional do PT, Rui Falcão, concedeu entrevista coletiva em Brasília reafirmando, sem dar margem a qualquer dúvida, o apoio da legenda ao governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz. “Não há nenhuma relação entre o delinquente Carlinhos Cachoeira e a administração do GDF ou o governador Agnelo”, disse Falcão. “O que existe são as operações que ele fez, e deram certo, com o senador Demóstes Torres em outros lugares, mas nenhuma em Brasília ou com seu governo”.

Um dos objetivos da coletiva de Falcão foi contestar nota publicada na revista Veja, esta semana, segundo a qual ele iria retirar o respaldo do partido ao governador do Distrito Federal (leia aqui reportagem de 247 que adiantou a contestação de Rui à nota "sem pé nem cabeça" de Veja, publicada três dias atrás). “Isso foi uma plantação, mas uma do esquema desses delinquentes”, disse Rui. Na semana passada, o presidente nacional do PT teve um encontro pessoal com Agnelo Queiroz, no qual reafirmou o apoio da legenda à administração. Não há, em nenhum dos grampos feitos pela Operação Monte Carlos vazados até aqui, nenhuma indicação de que a administração do GDF tenha sido conivente com as tentativas de assédio à máquina pública feitas pelo contraventor Carlinhos Cachoeira, a Delta Engenharia e o ex-araponga Adalberto Araújo, o Dadá, sobre a máquina pública.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email