HOME > Poder

'Não queremos só a governabilidade, queremos o governo'

Vice-presidente voltou a afirmar que o PMDB terá candidato próprio a presidente em 2018; "Quem patrocinou o Plano Real foi o PMDB. Depois, quando vieram as conquistas sociais [dos governos do PT], o PMDB garantiu [as aprovações de seus projetos] no Congresso Nacional. Mas como diz o [ex-ministro] Moreira Franco, agora nós não queremos apenas a governabilidade, nós queremos o governo. Por isso, em 2018, teremos candidato a presidente", disse Michel Temer

03/09/2015 - 03-09-2015 Vice-presidente Michel Temer participa agora de debate sobre política em São Paulo. Foto: Romério Cunha (Foto: Aquiles Lins)

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - O vice-presidente da República, Michel Temer, voltou a afirmar nesta quinta-feira, 3, que o PMDB terá candidato próprio a presidente em 2018. Temer participou de evento para militantes do PMDB em Teresina (PI).

"Quem patrocinou o Plano Real foi o PMDB. Depois, quando vieram as conquistas sociais [dos governos do PT], o PMDB garantiu [as aprovações de seus projetos] no Congresso Nacional. Mas como diz o [ex-ministro] Moreira Franco, agora nós não queremos apenas a governabilidade, nós queremos o governo. Por isso, em 2018, teremos candidato a presidente", disse.

Questionado pela plateia se seria ele o candidato, Temer respondeu: "quero registrar aqui que há muitas figuras nacionais [do PMDB] que podem ser candidatos a presidente".

Sobre a delação, Temer afirmou que não tinha conhecimento sobre o assunto. "Certa e seguramente haverá explicações a respeito disso."
Em delação premiada à força-tarefa da Operação Lava Jato, Delcídio revelou que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva mandou comprar o silêncio de Nestor Cerveró e de outras testemunhas.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista: