O primeiro vídeo de Lula para transferir milhões de votos para Haddad

Preso político há cinco meses e vetado pelo Judiciário e pelos militares para disputar uma eleição presidencial que venceria com extrema facilidade, o ex-presidente Lula divulgou o primeiro vídeo da campanha de Fernando Haddad presidente; "Mas Lula não vai desistir de lutar pelo Brasil. Lula pediu: vamos seguir juntos, unidos. Lula agora é Haddad 13", diz a mensagem; segundo o Datafolha, 33% dos brasileiros votarão com certeza em quem Lula indicar e 16% podem vir a votar – ou seja, o potencial de Haddad chega a 49%

O primeiro vídeo de Lula para transferir milhões de votos para Haddad
O primeiro vídeo de Lula para transferir milhões de votos para Haddad

247 - Mantido como político desde 7 de abril e vetado pelo Judiciário e pelos militares para disputar uma eleição presidencial que venceria com extrema facilidade, o ex-presidente Lula divulgou na noite desta terça-feira 11 o primeiro vídeo da campanha de Fernando Haddad como candidato oficial do PT à presidência da República.

A mensagem inicial lembra que Lula sofreu um golpe ao ser preso e retirado da campanha. "Mas Lula não vai desistir de lutar pelo Brasil. Lula pediu: vamos seguir juntos, unidos. Lula agora é Haddad 13", diz o texto. O vídeo foi divulgado pouco tempo depois do evento que oficializou, em frente à sede da Polícia Federal em Curitiba, onde Lula está preso, o nome de Haddad como substituto de Lula e o de Manuela D´Ávila como candidata a vice na chapa.

O vídeo também traz uma mensagem do próprio ex-presidente: "A razão da minha vida é lutar. Lutar sonhando em conquistar coisa para esse país. Tentar trovar que é possível melhorar a vida das pessoas. E ninguém, a não ser Deus, vai fazer com que eu pare de fazer isso".

E de Haddad: "Lula foi o melhor presidente e sabemos que ele venceria essa eleição. Infelizmente, insistem em tirar Lula da eleição contrariando a ONU. Lula pediu: vamos continuar juntos, unidos, vamos todos votar no 13".

Segundo pesquisa Datafolha divulgada nesta segunda-feira 10, 33% dos brasileiros votarão com certeza em quem Lula indicar e 16% podem vir a votar – ou seja, o potencial de Haddad chega a 49%.

Inscreva-se na TV 247 e assista ao vídeo:

Ao vivo na TV 247 Youtube 247