Orlando Silva denuncia golpe de Arthur Lira e dispara: começou a guerra

"Golpe!" - assim o deputado Orlando Silva qualificou o primeiro ato de Arhur Lira como presidente da Câmara, que dissoveu o bloco reunido ao redor de Baleia Rossi para garantir controle total da Mesa ao bolsonarismo e ao Centrão

Orlando Silva
Orlando Silva (Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado - 10.ago.2017)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O deputado Orlando Silva (PC do B-SP). ex-ministro dos Esportes do governo Dilma Roussef e que integrou a Mesa Diretora da Câmara na gestão Rodrigo Maia, protestou contra o primeiro ato de Arthut Lira (PP-AL) como novo presidente da Casa.

"GOLPE!  O primeiro ato do presidente eleito da Câmara, Arthur Lira, foi cancelar a eleição da Mesa.  Creiam! Vale a eleição dele. E a dos outros não!  Começou a guerra!" - postou o parlamentar no Twitter pouco antes de 6h30 desta terça-feira.

Logo após sua eleição Lira de fato declarou guerra à oposição. Usando como pretexto atraso de seis minutos para o registro do bloco de Baleia Rossi, ele anulou toda a organização da eleição da Mesa Diretora e vai recalcular a distribuição dos cargos. A oposição irá recorrer ao Supremo Tribunal Federal (STF).

Veja:


O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email