“Ou temos um candidato para ganhar, ou melhor não ter candidato", avalia Renan sobre desempenho de Tebet nas pesquisas

Senador Renan Calheiros acredita que "uma candidatura com 1% dos votos, no máximo com 2%, não vai ajudar a alavancar e dar competitividade aos palanques estaduais"

www.brasil247.com - O relator da CPI da Pandemia, senador Renan Calheiros.
O relator da CPI da Pandemia, senador Renan Calheiros. (Foto: Pedro França/Agência Senado)


247 - O senador Renan Calheiros (MDB-AL) avaliou  nesta quinta-feira (14) o desempenho da pré-candidata à presidência pelo MDB, Simone Tebet, que aparece com apenas 1% das intenções de votos nas pesquisas. Segundo Calheiros, o partido “precisa de um um candidato competitivo para a presidência da República e que não se pode brincar.”

Para o senador, Tebet é o melhor nome, mas a senadora é o melhor nome, mas não se trata da questão de valor da candidata. "Uma candidatura com 1% dos votos, no máximo com 2%, não vai ajudar a alavancar e dar competitividade aos palanques estaduais".

Em entrevista ao UOL, Renan também acrescentou que teme que o MDB repita o erro de 2018, quando renovou apenas três dos 24 nomes da bancada no Senado. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O senador destacou que a possibilidade de crescimento de uma terceira via só é possível em um cenário sem polarização entre o ex-presidente Lula e Bolsonaro. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

"Sem essa queda, não haverá, consequentemente, espaço para uma projeção de crescimento de nenhum candidato. As eleições estão engessadas desde julho de 2021. Nós temos um gráfico que é uma reta, onde os candidatos da terceira via, somados, não chegam ao segundo colocado".

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Renan, inclusive, reforçou o seu apoio à candidatura de Lula. "Eu apoio o Lula não porque ele é favorito para ganhar as eleições, mas ele é a única candidatura que pode derrotar Bolsonaro e pode reafirmar os valores civilizatórios”, concluiu.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email