Paulo Preto renova ameaça a Serra

Na CPI, arrecadador do PSDB dirá que candidato tucano era sua “bússola” na Dersa, que fez a obra do Rodoanel

Paulo Preto renova ameaça a Serra
Paulo Preto renova ameaça a Serra (Foto: Divulgação)

247 – O engenheiro Paulo Vieira de Souza, conhecido como Paulo Preto, continua mandando recados ao ex-chefe José Serra. Ex-diretor da Dersa e também arrecadador de recursos do PSDB no período em que Serra governou São Paulo (2006-2010) e construiu o trecho Sul do Rodoanel, além de ter feito a ampliação das marginais com a participação da Delta, Paulo Preto irá depor na próxima quarta-feira na CPI da Operação Monte Carlo.

A interlocutores próximos, ele disse novamente que citará José Serra no depoimento. Afirmará que Serra era sua “bússola” na estatal e que dispõe até de documentos assinados por ele. Na campanha presidencial de 2010, Paulo Preto foi acusado de desviar R$ 4 milhões arrecadados para a candidatura tucana.

Paulo Preto não apresentou requerimento para permanecer calado na CPI, assim como o ex-diretor do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes, Luiz Antônio Pagot, que depõe um dia antes. Ambos prometem movimentar uma CPI que vinha perdendo o fôlego nas últimas semanas e o ex-diretor da Dersa pode tornar ainda mais delicada a situação da candidatura Serra em São Paulo.


Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247