'Petrobrás vai voltar a ser do povo brasileiro', diz Lula em evento com Haddad na USP

“Vamos recuperar esse país”, destacou o ex-presidente Lula em Aula Aberta na USP, com diversos ativistas e professores

www.brasil247.com -
(Foto: Ricardo Stuckert)


247 - O ex-presidente Lula (PT), candidato a presidente, e o candidato petista ao governo de São Paulo, o ex-prefeito Fernando Haddad, participaram de Aula Aberta na USP nesta segunda-feira, 15, ao lado de ativistas e professores, como Marilena Chauí.

Lula destacou que no dia 2 de outubro, será preciso dizer “em alto e em bom som” se o Brasil vai querer um país que distribua livros ou coloque propaganda de armas.

“A gente vai ter que decidir o Brasil que a gente quer. Esse país já provou que pode ser bom.”, afirmou. “Está nas nossas mãos a responsabilidade de dizer que país a gente quer. Que futuro a gente quer, que educação a gente quer. Que trabalho merecemos, que política de desenvolvimento merecemos. Se nós nos omitirmos, o Brasil irá repetir o último resultado” , destacou.

“Não temos o direito de ficar quietos com a destruição que está em marcha nesse país, temos que gritar e protestar, e o voto tem que ser para tirar quem está aí”, disse. 

O ex-presidente destacou que com o atual governo Jair Bolsonaro (PL) “esse país retrocedeu”, lembrando que o Brasil chegou a ser a 6ª economia do mundo e virou a 13ª, e que era respeitado no mundo inteiro e virou paira, pois ninguém quer receber o presidente da República.

“Tudo piorou para quem está trabalhando. Agora 90% dos trabalhadores não recebem nem a inflação. Aumentávamos o salário mínimo todo ano de acordo com o aumento do PIB e hoje não se aumenta mais o salário mínimo”, lembrou.

Lula ainda denunciou quem o criticou por fazer políticas sociais quando era presidente, alegando que não havia dinheiro para bancar os programas. 

“Nós temos que começar a perguntar quanto nos custou não fazer as coisas nesse país. Quanto custou não alfabetizar o povo na década de 30 ou 40? Quanto custou a esse país não fazer a reforma agrária quando já tinha sido feita no mundo inteiro?”

“Vamos recuperar esse país”

“A gente vai recuperar esse país, acabar com a inflação. Não vai ter mais mulher na fila do osso, vai comprar carne para comer. Não vai ter mais família comendo carcaça, vai comer frango. As pessoas não vão estar mais na rua pedindo comida, pedindo esmola. Criança dormindo na rua… a gente tinha acabado com isso”, afirmou.

“Vamos voltar e o pobre vai voltar aos aeroportos”, disse Lula, destacando que “não tem ninguém rico que não seja às custas do trabalho dos pobres”.

“Outra vez a classe trabalhadora vai recuperar esse país, a Petrobras vai voltar a ser do povo brasileiro, as universidades vão voltar a ser públicas, o Banco do Brasil vai voltar a ser um banco público, o BNDES vai voltar a emprestar dinheiro para micro e pequeno empreendedor”, afirmou.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email