PL de Bolsonaro vai gastar R$ 1,35 milhão com empresa de auditoria de urnas eletrônicas

A legislação brasileira não permite que a contratada tenha fins lucrativos. Segundo o PL, o partido só conseguiu entrar em contato com um único instituto para realizar a auditoria

www.brasil247.com -
(Foto: ABr)


247 - O PL, partido de Jair Bolsonaro, vai desembolsar R$ 1,35 milhão para contratar uma empresa particular para auditar as eleições de outubro. De acordo com coluna do jornalista Lauro Jardim, do jornal O Globo,  o contrato deve ser assinado na próxima semana com o Instituto Voto Legal, do engenheiro Carlos Rocha.

Ainda de acordo com a coluna, a legenda já credenciou a empresa junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), mas ainda mantém contato com outras especializadas, mesmo a legislação não permitindo que a contratada tenha fins lucrativos. 

O PL alegou que não conseguiu encontrar nenhum outro instituto e, por esse motivo, vai fechar o contrato de R$ 1,35 milhão com a empresa de Rocha. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email