Programa de governo Lula-Alckmin recebe mais de 2 mil sugestões em 24 horas

Nas primeiras 24h, a plataforma "Juntos pelo Brasil" também recebeu mais de 50 mil visitas e foram realizados mais de 5 mil downloads do documento completo

www.brasil247.com - Geraldo Alckmin e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva
Geraldo Alckmin e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (Foto: Ricardo Stuckert)


247 - A plataforma de participação popular do programa de governo da chapa Lula-Alckmin, "Juntos pelo Brasil", recebeu mais de 2 mil sugestões no primeiro dia de funcionando. Temas como energia, sustentabilidade, combate à fome, distribuição de renda, controle da inflação, geração de emprego e educação são, até agora, os mais populares. Nas primeiras 24h, a plataforma www.programajuntospelobrasil.com.br, que ficará aberta por cerca de 30 dias, recebeu mais de 50 mil visitas e foram realizados mais de 5 mil downloads do documento completo de Diretrizes para Programa de Reconstrução e Transformação do Brasil.

Construído a partir de um entendimento dos sete partidos que compõe a coligação (PT, PSB, PCdoB, PSOL, REDE, PV e SOLIDARIEDADE), o documento de diretrizes foi apresentado ao povo brasileiro nessa terça-feira (21). O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva destacou nesta terça a importância da participação da sociedade na definição das políticas. 

De acordo com a chapa, as diretrizes – que destacam a urgência do combate à fome e à pobreza; a retomada do investimento para gerar crescimento e emprego; o combate à inflação e a redução do custo de vida; a defesa da Amazônia, o respeito às leis ambientais e a proteção dos povos indígenas; além da defesa da democracia, da justiça, da paz, da soberania e da reinserção do Brasil no mundo – serão a base do programa de governo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

"Vamos ter que construir a casa ao longo do tempo, ouvindo as pessoas através da plataforma, mas, principalmente, executando as políticas que quisermos, se ganharmos as eleições. (…) Vamos ter que ter os tijolos dessa parede que significam acabar com a fome outra vez nesse país. Vamos ter que ter os tijolos que significam aumentar o salário mínimo, e vamos construindo, tijolo por tijolo, até chegar na cobertura da casa que é o material da soberania", disse Lula.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O coordenador do programa de governo, o ex-ministro Aloizio Mercadante, discursou no mesmo sentido. "É um processo em que nós queremos ouvir a sociedade. Isso é a cara da história do presidente Lula, do governo Lula, do governo Dilma e da história que nós representamos nesse momento. Nosso programa de governo não é coisa só de técnicos, acadêmicos, de cima para baixo. Ninguém está aqui para escrever um livro e achar que aquilo resolve. Estamos construindo, é um trabalho de engenharia política", declarou.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Juntos pelo Brasil

A plataforma  "Juntos pelo Brasil"  permite o envio de sugestões e a realização  de debates, fóruns, discussão e consultas. Possui um canal de organização para a participação dos comitês populares e organizações dos movimentos populares.

A chapa também afirmou que serão abertas mesas de diálogo para avançar no debate com entidades nacionais que já se articularam para encaminhar propostas ao plano de governo e aprofundar as formulações.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Ao final desse processo participativo, a candidatura Lula-Alckmin espera entregará um programa de governo.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email