PSL deve suspender Eduardo Bolsonaro

Grupo de deputados ligados a Luciano Bivar, presidente do partido, apresentará neste domingo 20 uma requisição pedindo que Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho de Jair Bolsonaro, seja suspenso e levado ao comitê de ética

Dep. Eduardo Bolsonaro (PSL - SP)
Dep. Eduardo Bolsonaro (PSL - SP) (Foto: Vinicius Loures/Câmara dos Deputados)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Em meio à guerra interna do PSL, partido de Jair Bolsonaro e de seus filhos, um grupo de deputados ligados ao presidente da sigla, Luciano Bivar, apresentará neste domingo 20 uma requisição à direção da legenda pedindo suspensão do deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente, e para que ele seja levado ao comitê de ética da agremiação.

Para o deputado Junior Bozzella (PSL-SP), um dos mais próximos de Bivar, e para quem a direção executiva do PSL acatará a sugestão do grupo, Eduardo "passou de todos os limites" ao tentar derrubar o líder do partido na Câmara, Delegado Waldir, além de atacar o próprio partido e seus dirigentes em redes sociais, informa a jornalista Mônica Bergamo.

Nesta quinta-feira 17, depois de Bolsonaro ordenar a retirada da deputada Joice Hasselmann (PSL-SP) da liderança do governo no Congresso, Eduardo, desafeto da parlamentar, fez piada e espalhou meme com o rosto de Joice nas redes sociais. No início da semana, Eduardo ocupou a liderança do PSL por poucos minutos no lugar do Waldir, após uma trapaça dada pela família.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247