PT denuncia Moro à PGR pelo crime de obstrução judicial

A presidente nacional do PT, deputada federal Gleisi Hoffmann (PT-PR), anunciou nesta sexta-feira (26) que irá acionar o STF e a PGR contra as últimas ações arbitrárias de Sergio Moro, que configuram crime de obstrução judicial ; "Moro agiu em flagrante abuso de autoridade", denuncia Gleisi

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A presidente nacional do PT, deputada federal Gleisi Hoffmann (PT-PR), anunciou nesta sexta-feira (26) que irá acionar o STF e a PGR contra as últimas ações arbitrárias de Sergio Moro; "Moro agiu em flagrante abuso de autoridade", denuncia Gleisi. 

Confira sua postagem: 

"Por estar a frente do Ministério da Justiça e não mais na cadeira de juiz,
Sérgio   Moro   não   possui   qualquer   ingerência   sobre   investigações   da   Polícia Federal, muito menos sobre os inquéritos presididos pelos Delegados da Polícia Federal. Moro agiu em flagrante abuso de autoridade, nos termos da Lei  nº 4.898/65", diz um trecho do documento. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247