Resultados de pesquisas são cíclicos, diz Temer

"Em todo governo é assim, você tem altos e baixos. Agora está numa posição de baixa. Tenho a absoluta convicção de que, em pouquíssimo tempo, vamos ter um crescimento na popularidade do governo e da presidenta [Dilma Rousseff]", afirmou o presidente da República em exercício, Michel Temer

"Em todo governo é assim, você tem altos e baixos. Agora está numa posição de baixa. Tenho a absoluta convicção de que, em pouquíssimo tempo, vamos ter um crescimento na popularidade do governo e da presidenta [Dilma Rousseff]", afirmou o presidente da República em exercício, Michel Temer
"Em todo governo é assim, você tem altos e baixos. Agora está numa posição de baixa. Tenho a absoluta convicção de que, em pouquíssimo tempo, vamos ter um crescimento na popularidade do governo e da presidenta [Dilma Rousseff]", afirmou o presidente da República em exercício, Michel Temer (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Ana Cristina Campos - Repórter da Agência Brasil

Ao comentar pesquisa divulgada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) que mostra a queda, de 12% para 9%, do percentual de pessoas que consideram o governo ótimo ou bom, o presidente da República em exercício, Michel Temer, disse hoje (1º) que o resultado de pesquisas é cíclico e que o governo está atualmente em uma "posição de baixa".

"Isso é cíclico. Em todo governo é assim, você tem altos e baixos. Agora está numa posição de baixa. Tenho a absoluta convicção de que, em pouquíssimo tempo, vamos ter um crescimento na popularidade do governo e da presidenta [Dilma Rousseff]", afirmou.

O presidente nacional do PT, Rui Falcão, avaliou que os índices negativos da pesquisa são "passageiros". "Temos certeza de que esses índices são pontuais e serão recuperados rapidamente. Para reverter [a avaliação negativa], é preciso continuar com a agenda positiva que ela [Dilma Rousseff] tem apresentado para o país. Não acredito em conspirações, mas que há uma nítida má vontade em relação ao PT, ao [ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva] Lula e à nossa presidenta é evidente", disse o petista.

Temer e Falcão participaram da cerimônia de posse da deputada Luciana Santos na presidência do PCdoB, na Câmara dos Deputados.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247