Ruralistas estão prestes a romper com Bolsonaro

Depois de advertir publicamente os líderes do governo no Congresso e na Câmara, Joice Hasselmann (PSL-SP) e Vitor Hugo (PSL-GO) na última terça-feira, o  deputado Alceu Moreira (MDB-RS), presidente da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA) avisou a nesta quarta-feira (3) a ministra Tereza Cristina (Agricultura) que a bancada ruralista está a ponto de romper com o governo Bolsonaro.

www.brasil247.com - Ruralistas estão prestes a romper com Bolsonaro
Ruralistas estão prestes a romper com Bolsonaro (Foto: Câmara | Reuters)


247 - Depois de advertir publicamente os líderes do governo no Congresso e na Câmara, Joice Hasselmann (PSL-SP) e Vitor Hugo (PSL-GO) na última terça-feira, o  deputado Alceu Moreira (MDB-RS), presidente da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA) avisou a nesta quarta-feira (3) a ministra Tereza Cristina (Agricultura) que a bancada ruralista está a ponto de romper com o governo Bolsonaro.

"Chega! Chegamos ao limite! Não dá mais! Acabou a paciência!" -foi desta maneira que Moreira dirigiu-se na terça a Joice Hasselmann e Vitor Hugo. O motivo foi a mensagem de ódio contra o movimento palestino Hamas, publicada nas redes sociais por Flávio Bolsonaro, que mais uma vez ameaça as exportações brasileiras para o mercado árabe (leia aqui).

No recado à ministra, ele deixou claro que integrantes da bancada ruralista estão enfurecidos com as promessas de campanha feitas por Bolsonaro e não cumprida, como a anistia de dívidas de produtores inscritos no Funrural. Segundo a coluna Painel, da Folha de S.Paulo, ele teria pedido uma audiência com Jair Bolsonaro, ainda sem resposta.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email