Temer diz a aliados que Dilma nunca confiou nele

Em conversa com interlocutores, vice Michel Temer (PMDB) teria dito que não cabe a ele fazer oposição a presidente Dilma nem liderar movimentos para tirá-la do Planalto, mas também não demonstrou nenhuma disposição em responder a seus apelos; "Por que agora ela quer minha confiança?", indagou; nesta segunda-feira, ele será recebido pelo jurista Ives Gandra Martins, voz importante no meio jurídico a favor do impeachment, na Associação Comercial de São Paulo

Em conversa com interlocutores, vice Michel Temer (PMDB) teria dito que não cabe a ele fazer oposição a presidente Dilma nem liderar movimentos para tirá-la do Planalto, mas também não demonstrou nenhuma disposição em responder a seus apelos; "Por que agora ela quer minha confiança?", indagou; nesta segunda-feira, ele será recebido pelo jurista Ives Gandra Martins, voz importante no meio jurídico a favor do impeachment, na Associação Comercial de São Paulo
Em conversa com interlocutores, vice Michel Temer (PMDB) teria dito que não cabe a ele fazer oposição a presidente Dilma nem liderar movimentos para tirá-la do Planalto, mas também não demonstrou nenhuma disposição em responder a seus apelos; "Por que agora ela quer minha confiança?", indagou; nesta segunda-feira, ele será recebido pelo jurista Ives Gandra Martins, voz importante no meio jurídico a favor do impeachment, na Associação Comercial de São Paulo (Foto: Roberta Namour)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – Em reação às declarações da presidente Dilma Rousseff de que espera "integral confiança" do vice durante a tramitação do impeachment contra ela, Michel Temer teria dito, em conversa com amigos neste domingo (6): "Ela nunca confiou em mim."

Segundo reportagem de Valdo Cruz e Gustavo Uribe, na conversa com interlocutores, Temer disse que não cabe a ele fazer oposição à presidente nem liderar movimentos para tirá-la do Planalto, mas também não demonstrou nenhuma disposição em responder a seus apelos. "Por que agora ela quer minha confiança?", indagou.

Nesta segunda-feira, Temer será recebido pelo jurista Ives Gandra Martins, voz importante no meio jurídico a favor do impeachment de Dilma, na Associação Comercial de São Paulo, segundo o Painel (leia aqui).

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247