Temer é alvo de escracho em Portugal

Grupo do "Coletivo Andorinha - Frente Democrática Brasileira de Lisboa" fez um protesto em frente ao hotel onde Michel Temer está hospedado em Lisboa, para onde viajou a fim de participar das cerimônias fúnebres do ex-presidente português Mário Soares; manifestantes denunciaram, aos gritos, que "um golpista" faria "parte de um funeral de um democrata chamado Mário Soares"; "Ele não representa a democracia", disseram; quando Temer deixou o hotel, ouviu gritos de "golpista" e fez sinal de joia para o grupo; vídeo

Grupo do "Coletivo Andorinha - Frente Democrática Brasileira de Lisboa" fez um protesto em frente ao hotel onde Michel Temer está hospedado em Lisboa, para onde viajou a fim de participar das cerimônias fúnebres do ex-presidente português Mário Soares; manifestantes denunciaram, aos gritos, que "um golpista" faria "parte de um funeral de um democrata chamado Mário Soares"; "Ele não representa a democracia", disseram; quando Temer deixou o hotel, ouviu gritos de "golpista" e fez sinal de joia para o grupo; vídeo
Grupo do "Coletivo Andorinha - Frente Democrática Brasileira de Lisboa" fez um protesto em frente ao hotel onde Michel Temer está hospedado em Lisboa, para onde viajou a fim de participar das cerimônias fúnebres do ex-presidente português Mário Soares; manifestantes denunciaram, aos gritos, que "um golpista" faria "parte de um funeral de um democrata chamado Mário Soares"; "Ele não representa a democracia", disseram; quando Temer deixou o hotel, ouviu gritos de "golpista" e fez sinal de joia para o grupo; vídeo (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Um grupo do "Coletivo Andorinha - Frente Democrática Brasileira de Lisboa" fez um protesto em frente ao hotel onde Michel Temer está hospedado em Lisboa, Portugal, para onde viajou a fim de participar das cerimônias fúnebres do ex-presidente do país Mário Soares.

Manifestantes levaram uma grande faixa com os escritos "Fora Temer" e denunciaram, aos gritos, que "um golpista" faria "parte de um funeral de um democrata chamado Mário Soares". "Ele não representa a democracia", disseram.

Quando Temer deixou o hotel, ouviu gritos de "golpista" e fez sinal de joia para o grupo. Confira o vídeo do escracho, divulgado no Facebook:

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247