Temer tem encontro reservado com Alckmin

O encontro entre o oice-presidente Michel Temer (PMDB) e ogovernador de São Paulo, Geraldo Alckmin, pré-candidato à presidência da República em 2018, ocorre num momento em que a legenda peemedebista ensaia um afastamento do governo federal com a aceitação do pedido de impeachment contra a presidente Dilma; a reunião aconteceu em um almoço promovido pelo presidente das Indústrias Reunidas São Jorge, Jorge Chammas Neto, em homenagem a Temer, que já havia tido encontro com oposicionistas antes do seu correligionário e presidente da Câmara, Eduardo Cunha (RJ), anunciar que acolheria pedidos de impeachment

O encontro entre o oice-presidente Michel Temer (PMDB) e ogovernador de São Paulo, Geraldo Alckmin, pré-candidato à presidência da República em 2018, ocorre num momento em que a legenda peemedebista ensaia um afastamento do governo federal com a aceitação do pedido de impeachment contra a presidente Dilma; a reunião aconteceu em um almoço promovido pelo presidente das Indústrias Reunidas São Jorge, Jorge Chammas Neto, em homenagem a Temer, que já havia tido encontro com oposicionistas antes do seu correligionário e presidente da Câmara, Eduardo Cunha (RJ), anunciar que acolheria pedidos de impeachment
O encontro entre o oice-presidente Michel Temer (PMDB) e ogovernador de São Paulo, Geraldo Alckmin, pré-candidato à presidência da República em 2018, ocorre num momento em que a legenda peemedebista ensaia um afastamento do governo federal com a aceitação do pedido de impeachment contra a presidente Dilma; a reunião aconteceu em um almoço promovido pelo presidente das Indústrias Reunidas São Jorge, Jorge Chammas Neto, em homenagem a Temer, que já havia tido encontro com oposicionistas antes do seu correligionário e presidente da Câmara, Eduardo Cunha (RJ), anunciar que acolheria pedidos de impeachment (Foto: Leonardo Lucena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O vice-presidente Michel Temer reuniu-­se neste sábado (5), com o pré-­candidato do PSDB à presidência da República em 2018 e governador de São Paulo, Geraldo Alckmin. O encontro ocorre num momento em que a legenda peemedebista ensaia um afastamento do governo federal com a aceitação do pedido de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff.

A conversa entre os dois aconteceu em almoço promovido pelo presidente das Indústrias Reunidas São Jorge, Jorge Chammas Neto, em homenagem ao peemedebista.

Entre os convidados estava o deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB­-SP). O parlamentar disse que nos 20 minutos em que esteve no almoço não viu Temer e Alckmin conversarem, mas não descartou que a conversa pode ter ocorrido após sua saída. "Quando cheguei, o governador estava com um desembargador e o vicepresidente com Chammas Neto", acrescentou.

Aliados do vice­-presidente têm conversado com políticos de oposição em busca de apoio ao seu nome no caso do afastamento da petista. Na quarta­-feira (2), por exemplo, horas antes do presidente da Câmara Federal, Eduardo Cunha (PMDB­-RJanunciar que aceitaria o pedido de impeachment, Temer participou de almoço com senadores do PSDB, DEM e PSB.

Os peemedebistas também pretendem organizar uma agenda de viagens do de Temer pelo país no próximo ano. O objetivo é torná­-lo conhecido e aumentar sua capilaridade junto a lideranças e empresários regionais.

Vale ressaltar que, em agosto deste ano, Alckmin já havia demonstrado apreço pelo peemedebista. Sob a justificativa pretexto de homenagear Temer por ele, ter sido, há 30 anos, o primeiro secretário de segurança pública a inaugurar uma delegacia de atendimento à mulher, o tucano , recebeu o peemedebista no Palácio dos Bandeirantes. "Ele é um grande homem, que defende o interesse público, o interesse coletivo e o bem comum", afirmou o tucano ao elogiar o vice-presidente.

A presidente Dilma Rousseff (PT) disse, neste sábado (5), esperar "integral confiança do Michel Temer". "E tenho certeza que ele dará... ao longo desse tempo eu desenvolvi a minha relação com ele e conheço o Temer como pessoa, como político e como grande constitucionalista", afirmou a presidente, em visita ao Recife, onde lançou um plano nacional de combate ao mosquito Aedes aegypti (leia mais aqui).

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247