TSE barra criação de novo partido de Valdemar Costa Neto

O Tribunal Superior Eleitoral indeferiu nesta quinta-feira 5 o pedido de registro do "Muda Brasil", novo partido do ex-deputado Valdemar Costa Neto, que hoje é presidente do PR; com a decisão, a legenda, que negociava com Jair Bolsonaro, não vai poder participar das eleições de 2018; Costa Neto vai recorrer

 Valdemar Costa Neto
 Valdemar Costa Neto (Foto: Gisele Federicce)

247 - O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) indeferiu em sessão na manhã desta quinta-feira 5 o pedido de registro do "Muda Brasil", novo partido do ex-deputado Valdemar Costa Neto.

Com a decisão, a legenda não vai poder participar das eleições de 2018, como já articulava com Jair Bolsonaro, hoje no PSC. Costa Neto, que atualmente preside o PR, pretende recorrer.

O pedido de registro foi protocolado no TSE em dezembro de 2015, quando Valdemar e seus correligionários ainda não haviam conseguido reunir o número mínimo de apoiadores exigido pela lei para a criação de um partido.

Eles conseguiram as assinaturas ao longo dos últimos dois anos, mas a maioria dos ministros do tribunal entendeu que deveria se levar em conta apenas as assinaturas apresentadas quando o pedido foi protocolado.

Conheça a TV 247

Mais de Poder

Ao vivo na TV 247 Youtube 247