Vice-líder do governo no Senado deixa o cargo em protesto contra demissão de Mandetta

"Saio da vice-liderança porque a demissão de Luiz Henrique Mandetta é um absurdo. Se não ouve o ministro da Saúde, deve-se ouvir quem?”, disse o senador Lucas Barreto (PSD-AP), que ocupa o cargo desde o ano passado

Senador Lucas Barreto
Senador Lucas Barreto (Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O senador Lucas Barreto (PSD-AP) deverá entregar o cargo de vice-líder do governo em protesto contra a demissão de Luiz Henrique Mandetta do comando do Ministério da Saúde, oficializada por Jair Bolsonaro nesta quarta-feira (16). Segundo o blog do jornalista Lauro Jardim, o ministro da Secretaria de governo, general Luiz Eduardo Ramos, e o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP) já teriam sido comunicados da decisão. 

“Saio da vice-liderança porque a demissão de Luiz Henrique Mandetta é um absurdo. Se não ouve o ministro da Saúde, deve-se ouvir quem?”, disse Barreto. O parlamentar ocupa a vice-liderança do governo na Casa desde o ano passado e deverá voltar de uma licença médica na próxima segunda-feira (20). 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247