CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Poder

Zambelli diz que pediu endereço de Moraes ao hacker Delgatti para mãe enviar carta ao ministro

Deputada bolsonarista enviou dois áudios, no ano passado, pedindo que Delgatti descobrisse o endereço do imóvel funcional do ministro Supremo Tribunal Federal

Imagem Thumbnail
Carla Zambelli (Foto: Lula Marques/EBC)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - A deputada federal bolsonarista Carla Zambelli (PL-SP) afirmou que sua mãe se lembrou do contexto dos áudios enviados pela parlamentar ao hacker Walter Delgatti Neto, em novembro do ano passado, em que pedia para ele localizar o endereço de um ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) em Brasília. 

Segundo a coluna da jornalista Andréia Sadi, do G1, a parlamentar disse que o pedido estava relacionado ao desejo de sua mãe de enviar uma carta visando “sensibilizar” o ministro Alexandre Moraes, que é relator de investigações envolvendo Zambelli.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

"Minha mãe tinha escrito uma carta para o Alexandre de Moraes e queria entregá-la. Eu disse para não enviarmos para o STF para evitar constrangimentos, e ela sugeriu que o correto seria enviar para a casa dele",  disse Zambelli. ”Acabamos não mandando essa carta. Ela que me lembrou [do episódio], eu não lembrava disso. Esse foi o motivo [da conversa com Delgatti]", completou. >>> Defesa de Delgatti diz que Carla Zambelli pediu para descobrir endereço de ministro do STF

Ainda conforme a reportagem, Zambelli também explicou que os áudios foram resultado de uma conversa com Delgatti, que de acordo com ela foi contratado para gerenciar suas redes sociais e site, após ele ter enviado uma lista de endereços de várias autoridades, incluindo o da casa de Moraes em São Paulo. Foi neste momento que ela diz ter solicitado o endereço do ministro em Brasília. 

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Delgatti, que está preso desde agosto, alegou à Polícia Federal e à CPMI dos Atos Golpistas ter sido contratado por Zambelli para participar de ações visando desacreditar as urnas eletrônicas, sistemas do Judiciário, além do ministro Alexandre de Moraes. A deputada nega qualquer envolvimento em atividades ilícitas.

“De acordo com o advogado do hacker, Ariovaldo Moreira, seu cliente afirma que os áudios tratam do endereço de Moraes e comprovam que a relação entre Zambelli e Delgatti não se restringiu a serviços de administração de redes sociais, como ela afirmou anteriormente. O advogado pretende entregar os áudios à Polícia Federal, que já investiga a conduta do hacker”, ressalta a reportagem.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO