Zanin diz que depoimento de Marcelo "deixa inequívoca" a inocência de Lula

"Esse depoimento do Marcelo deixa inequívoco que o ex-presidente não praticou nenhum ato ilícito que foi lhe imputado nesta ação. O doutor Emílio já prestou depoimento nesta ação e também disse que não teve nenhuma conversa indevida com o presidente", disse o advogado de defesa de Lula, Cristiano Zanin

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O advogado de defesa do ex-presidente Lula, Cristino Zanin, analisou o depoimento prestado pelo ex-presidente da Odebrecht, Marcelo Odebrecht, à Justiça nesta sexta-eira (4). Segundo ele, a fala do empresário reforça os argumentos e provas apresentadas pela defesa e favorece o ex-presidente.

"Esse depoimento do Marcelo deixa inequívoco que o ex-presidente não praticou nenhum ato ilícito que foi lhe imputado nesta ação. O doutor Emílio já prestou depoimento nesta ação e também disse que não teve nenhuma conversa indevida com o presidente", disse Zanin ao UOL..

Marcelo disse que é "tremendamente injusto" condenar Lula, sem que esclareçam contradições dos depoimentos de Antonio Palocci e seu pai, Emílio Odebrecht. O depoimento foi dado na ação que os acusa de favorecimento em liberações do BNDES para obras da empreiteira em Angola.

Zanin enfatizouj que o Ministério Público não apresentou "absolutamente nada que possa vincular Lula nesse caso". "Se ocorreu algo, não teve participação do ex-presidente, não há nenhuma prova. Cabe ao MP fazer a prova de culpa de quem acusaram", advertiu.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247